Estádio Beira-Rio - Porto Alegre
Home > Estádios > Estádio Beira-Rio
Telefones:
(051) 3230-4600

Endereço: Av. Padre Cacique, 891
Cidade/Estado: Porto Alegre / Rio Grande do Sul
Videos
Videos

    O Beira-Rio é o estádio do clube de futebol Sport Club Internacional e está localizado as margens do Lago Guaíba, em Porto Alegre.

    Seu nome oficial é Estádio José Pinheiro Borba, nome de um cidadão português que durante muitos anos comandou as obras, morrendo antes que fossem terminadas.

    O estádio possui capacidade para 56 mil pessoas. E estacionamento para 4,5 mil veículos. Oferece ainda: Loja InterSport, Agência Banrisul, Loja de Produtos Tradicionalistas, Churrascaria Montana Grill no Parque Gigante.


A construção

    Exatamente no ano em que estava terminando uma longa hegemonia do Inter no futebol gaúcho, 1956, começou a história da construção de um grande estádio, o Beira-Rio. No dia 12 de setembro de 1956, o vereador Ephraim Pinheiro Cabral, um homem do futebol, que por várias vezes presidiu o Inter, apresentou na Câmara de Porto Alegre o projeto de doação de uma área que seria aterrada no rio Guaíba. Na verdade o Inter estava ganhando era um terreno dentro da água. Só em 1959 o clube fincava as primeiras estacas do Beira-Rio.

    O Beira-Rio foi construído em grande parte com a contribuição da torcida, que trazia tijolos, cimento e ferro para a obra, inclusive do interior. Nesse sentido, havia programas especiais de rádio, para mobilizar os torcedores colorados em todo o Rio Grande do Sul. Consta que até Falcão, mais tarde ídolo colorado, chegou a trazer tijolos para a construção.

   Na década de 60, uma época difícil para o Inter no futebol, o Beira-Rio, ironicamente chamado de Bóia Cativa parecia que jamais seria concluído. Cansados das derrotas do time nos Eucaliptos, ali pertinho, os torcedores saiam para ver as obras do novo estádio. A gente torcia por pedreiros, lembram os colorados daquele tempo.

    Finalmente o Beira-Rio foi inaugurado no domingo de 6 de abril de 1969, dois dias e 60 anos depois da fundação do Inter. No jogo inaugural, contra o Benfica de Portugal, Claudiomiro faz o primeiro gol do Inter no estádio. E de repente um homem grande começou a chorar, e a abanar para a torcida, enquanto dava a volta olímpica no gramado: era Rui Tedesco, o engenheiro que concluiu o Beira-Rio. Emocionados estavam também os dirigentes, mas nada era maior do que o orgulho dos torcedores. Naquela tarde nascia o Gigante da Beira-Rio.


Gigante Para Sempre, o futuro do Beira-Rio

    O Beira-Rio é o estádio indicado para receber jogos da Copa na capital gaúcha. Com a execução do projeto de modernização Gigante Para Sempre, a casa dos colorados irá atender a todas as exigências estipuladas pela Fifa.

   O Internacional possui um projeto de remodelação do Complexo Beira-Rio denominado Gigante Para Sempre. A partir desse projeto de modernização - que foi aprovado de forma unânime pela Câmara de Vereadores de Porto Alegre no dia 29 de dezembro de 2009 - o clube se adaptaria às mais recentes exigências e padrões internacionais do futebol, pronto para sediar qualquer jogo nacional ou internacional, com um complexo esportivo sustentável. A casa do clube do povo continuará sendo motivo de orgulho para todos os colorados e para todo o Brasil, que passará a contar com um dos mais modernos e belos complexos esportivos do mundo.